PÁGINA INICIAL > ARTIGOS > Conexões dolorosas: densificação versus fibrose da fáscia.

Painful connections: densification versus fibrosis of fascia.


Pavan PG, Stecco A, Stern R, Stecco C

Resumo

Por muito tempo a fáscia profunda tem sido considerada uma fonte de dor, devido ao envolvimento dos receptores nervosos para dor nas alterações patológicas às quais a fáscia está sujeita. A densificação e a fibrose estão entre estas alterações. Elas podem modificar as propriedades mecânicas da fáscia profunda e prejudicar a função dos músculos e órgãos subjacentes. A diferenciação entre estes dois distintos tipos de alteração na fáscia, e a compreensão sobre a matriz de tecido conectivo da fáscia, juntamente com as forças mecânicas envolvidas, possibilitará a indicação de modalidades de tratamento mais específicas para o alívio das síndromes de dor crônica. Esta revisão fornece uma descrição geral da fáscia profunda e suas propriedades mecânicas, com o objetivo de identificar as várias alterações que podem levar à dor. Dieta, exercício e síndromes de sobreuso podem modificar a viscosidade do tecido conectivo da fáscia, causando densificação, uma alteração facilmente reversível. Trauma, cirurgia, diabete e o envelhecimento, alteram as camadas fibrosas da fáscia, levando à fibrose fascial.


Fonte: Curr Pain Headache Rep. 2014 Aug;18(8):441.
 





Veja mais artigos